Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Vila de Cano

Diário de Uma Seca de Terra

Vila de Cano

Diário de Uma Seca de Terra

os Herois do Benfica

25.05.05 | M!ro
Moreira - É um ganda guarda- redes, e esta semana teve duas alegrias: nasceu-lhe uma filha e o Glorioso foi campeão. A filha pode estar descansada que, quando ele a tiver nas mãos, não cai de certeza. Já os filhos do Ricardo não podem dizer a mesma coisa…

Quim- Caganda defesa que ele fez na Luz, naquele remate do Douala.Mas também defendeu remates de bons jogadores!

Miguel - Quando, na parte final do campeonato, eu vi que ele só dava meio campo de avanço ao Pedro Barbosa, pensei logo: «Hum… Este rapaz está a jogar lesionado»…



João Pereira - Este puto é o maior. Os adversários, a seguir aos jogos, deviam ir fazer uma desparasitação, porque o João é uma autêntica carraça. É que não larga os gajos, pá.

Luisão - Realmente, percebe- se porque é que «é dos carecas que elas gostam mais.» No final do jogo com os lagartos, apeteceu-me dar um ganda beijinho naquela careca. Fica, Luisão!



Ricardo Rocha -Não dá hipóteses. Espero que ele, na autoestrada, não seja como no campo, porque senão formam-se filas de vários quilómetros atrás do carro dele: é que ninguém consegue passar pelo Ricardo Rocha. Ó Vieira, aumenta-lhe o ordenado que o rapaz merece!



Alcides - Tem umas pernas tão fininhas que parece que tira a bola com pinças. Com um jogo de cabeça tão bom e umas orelhas daquele tamanho, parece mesmo o radar do aeroporto da Portela.



André Luís - É um jogador completo: bom de cabeça, bom com os pés, e tem uma cara de poucos amigos que assusta qualquer avançado.



Dos Santos –O Roberto Carlos aprendeu com ele tudo o que sabe.



Fyssas - Já tinha sido campeão da Europa. Agora, conquistou um título ainda maior.



Petit - No dicionário, a definição de pulmão devia ser: «Aquilo que o Petit tem dentro do peito. » Aquilo é que é uma pulmoeira a sério, pá!



Manuel Fernandes
- Ora até que enfim que, no futebol português, aparece um bom jogador com este nome. A FIFA devia aumentar as medidas do rectângulo de jogo, porque este rapaz, sozinho, enche o campo.



Bruno Aguiar
- É, em jogador de futebol, o equivalente àqueles electrodomésticos que têm 87.565 funções: chuta, passa, marca livres, rouba bolas…



Paulo Almeida - Está a fazer a mesma coisa que o Luisão fez quando chegou: na próxima época é que vamos ver como ele é um craque do catano. Força, Paulo!



Everson - Teve o azar das lesões, mas vê-se que é bom jogador. Além disso, foi à tromba ao Argel, que é coisa que eu também gostava de ter feito algumas vezes.



Geovanni - É conhecido no balneário como o Soneca, não percebo porquê. Afinal de contas, é ele que deita os adversários com as suas fintas.



Simão - Impressionante a capacidade de sacrifício do nosso capitão! Admira-me como é que acaba a época sem uma única hérnia, depois de ter passadomais demetade do campeonato a carregar a equipa às costas.



Carlitos - Émelhor avisarem a brigada de minas e armadilhas pra não se afastarem muito do Estádio da Luz prò ano, que este rapaz vai explodir.



Nuno Assis
- Quando chegou ao Benfica, passei a levar uma toalha comigo prò Estádio da Luz. É que eu fico cansado só de ver o Nuno Assis a jogar.



Nuno Gomes - É um guerreiro lá à frente. E, como se viu na conferência de imprensa depois do Benfica-Porto, tem uma outra grande qualidade: consegue calar o Pinto da Costa.



Karadas - Vem da terra do bacalhau da Noruega, mas ainda mandou uma batatinha ou outra pra dentro das balizas adversárias.



Mantorras - As más línguas dizem que ainda está lesionado. Se o Luís Fabiano sabe disso vai pedir ao Jorge Costa que o lesione pra ver se finalemente começa a marcar golos como o angolano.



Rodolfo Moura - É tão bom massagista que os nossos jogadores preferem-no às ucranianas.



Trapattoni - Confirma-se que É mesmo uma Velha Raposa. Já o Couceiro e o Peseiro são Novas Galinhas, uma vez que foram comidos pelo Trapattoni em todos os capítulos tácticos.



José Veiga - Há vinte anos que os cientistas andam à procura de um antídoto prò Pinto da Costa e, pelos vistos, encontraram- no: chama-se José Veiga.



Luís Filipe Vieira - Fica na história como o presidente que acabou com o nosso jejum. Ficou com um óptimo currículo pra vir a ser Presidente da Etiópia.



A nível de tripeiros, depois do empate com a Académica, o José Couceiro despediu-se do cargo de treinador do Porto. Convém lembrar que, esta época, foi o terceiro técnico a ser despedido pelo Pinto da Costa. E depois admirem- se que a porta do Estádio do Dragão destinada ao treinador principal da equipa pareça a VCI em hora de ponta. Sinceramente, conheço caixas de supermercado que têm um emprego mais estável do que o Co Adriaanse.



EM termos de finalmente, depois da escandaleira que aconteceu entre o Rochemback e o José Peseiro ameio da época (o primeiro mandou o segundo ir tomar no primeiro nome do novo treinador holandês do Porto), agora foi a vez do Anderson Polga e do Douala arranjarem sarilho do grosso com o técnico lagarto. É só mesmo por causa disso que eu acredito no Dias da Cunha quando ele garante que o Peseiro é o homem que está à frente da equipa. É que dá mesmo a sensação de que, lá no balneário, os jogadores andam a correr atrás do treinador pra lhe espetarem uns valentes bananos. E, como o Peseiro vai a fugir, está literalmente à frente da equipa. Eh, eh, eh! Mainada! Até prà semana e não se esqueçam: ninguém pára o Benfica!


in : As crónicas de Zé Manuel Produções Fictícias